sexta-feira, 2 de março de 2012

felipe oliveira baptista does his thing

felipe oliveira baptista não quis dar pistas sobre a sua colecção...
quis criar surpresa... roupas serão sempre roupas, e a inspiração é qualquer coisa que pode prometer demasiado e desiludir o espectador ou demovê-lo da atenção à qualidade dos materiais, do corte, das silhuetas, das cores, dos acessórios, ou torná-las num objecto de exagerada complexidade, e sim lemos muita porcaria em sítios como "style.com", deus criou a moda na europa, a américa apenas acha que a  contextualiza...
é claro que depois do desfile, lá falou de um ou dois filmes que viu e de umas fotografias de homens que trabalhavam em minas (se bem me lembro) de qualquer modo, e como a folha era branca, o que li da colecção foi mais ou menos isto... chic urbano, vinil com pele, color blocking, jumpsuits, zebra prints, easy wear, sapatos perfeitos de quem não tem medo de ruas sombrias, e um vibe, uhmm, hot babes, e acima de tudo, perfeição, um guarda-roupa completo... a página que felipe oliveira baptista quis que os fashionistas escrevessem resume-se a -"esta é a roupa que todas as raparigas com bom gosto devem ter em casa e que todas vão querer desesperadamente ter em casa para puderem usar na rua, sem segundas leituras" talvez uma semi-esquizofrenia 60 (how cool those stripes) e um ante-penúltimo look (com a linda kamila) a remeter para um padrão geométrico que é tão felipe oliveira baptista que é impossível não perceber... esta colecção é como rematar uma peça... e quando o remate final é melhor que o original???


































Sem comentários:

Enviar um comentário